slide

O poder do sapato nude

  Sapato nude é clássico, atemporal, versátil e super elegante, e já possui um lugar especial no universo básico e casual. Mas você sabe o poder quem um sapato nude tem?


  O sapato nude é aquele item essencial em qualquer armário e/ou estilo que você pode confiar de olhos fechados, mesmo naqueles momentos de dúvida eterna sobre qual sapato vai usar, se vai combinar com o look e naqueles momentos de pressa que não dá pra elaborar muito a produção. O tom nude é a resposta para todos os dilemas na hora de montar o seu look.

  Ele combina absolutamente com tudo - praticamente -, e pode ser usado a qualquer momento, ocasião, tanto a noite como no dia, dependendo muito da escolha do tipo de calçado que você irá usar - tamanhos de saltos, sem salto, estilos, modelos -, tudo depende do design do sapato.

  Sua variedade de tons vem crescendo cada vez mais, com que cada tom de pele tenha o seu nude perfeito. Quem ai não lembra da marca Louboutin que fez uma coleção de sapatos de salto alto e também sapatilhas em diferentes tons de pele? Um avanço e tanto na democratização da moda, já que o meu tom de nude pode não ser igual ao seu, ou de uma pessoa mais branca, uma mais negra... então o ideal mesmo é ter essa vasta cartela de cores que aproxime ao nosso tom de pele, e pra tirar essa ideia de que nude é sinônimo de bege, e sim de cor da pele.


  Perfeito para qualquer situação, a cor é considerada super elegante além do seu grande trunfo que é ajudar a alongar a silhueta - para nós baixinhas que curtimos muito aquela ajudinha para criar a ilusão de ser um pouco mais alta -, pois dá a impressão que é uma extensão do corpo, e o ideal para quem busca esse truque é sempre escolher um tom que se aproxime da pigmentação da sua pele ou até dois tons mais claros no caso dos saltos alto. Já para os calçados mais baixos, o tom deve ser acima do seu tom de pele, eliminando a sensação de não ter nada nos pés.

  Outro ponto além de alongar a silhueta, é o poder de equilibrar o look, dá uma leveza nas composições com muitas cores, muitas estampas, então o tom nude vai dá essa equilibrada no visual, deixando visualmente mais bonito, mais harmônico.

  Mas com que tipo de peça os calçados nude combina? Com tudo! Não tem essa de que só combina com vestidos ou só calças, o segredo mesmo é adequar o estilo de sandália ao tipo de look que você irá usar, como por exemplo, vestidos, segundo aquelas regrinhas de moda, eles super combinam com sandálias de tiras finas pois agregar um ar de sofisticação ao look, mas se eu por um scarpin nude irá criar essa mesma impressão de look chic e sofisticado. Assim é o caso das calças jeans ou sociais, super combinam com scarpin, sandálias e até mesmo sapatilhas.

  Você deve pensar primeiramente no estilo de look que você está montando. É um look mais arrumado, chic? Põe um salto se gosta de salto, mas se ainda sim quer um look chic sem ter que usar salto altos, põe uma sapatilha sem detalhes ou com detalhes que possa enriquecer o look, o mercado já existe uma variedade enorme de sapatos baixos super elegantes.

Se a escolha é um look mais despojado, descontraído, invista nas sapatilhas, tênis, mocassin... se joga no nude!


  A cor nude está aparecendo cada vez mais nos pés da mulherada e há o que tudo indica, vem tomando o lugar do pretinho básico. Será?

Truque de Styling: Meias Aparecendo

Inverno chegou e vem trazendo várias tendências que fizeram sucesso anos atrás, como é o caso das meias á mostra, que vem pra mostrar que um pequeno detalhe pode transformar um look.


 
Quando a temperatura começa a cair, os itens mais requisitados são os sapatos mais fechados, e isso não é novidade para ninguém! E no meio desse desejo por botas e sapatos fechados, uma peça que tem se tornado protagonista nas produções fashionistas e inspiradoras, são as meias.
  Sim, as "temidas" meias, que por anos fazíamos de tudo para esconde-las mas que fizeram bastante sucesso no tempo da brilhantina. Usar meias com sandálias, sapatos era simplesmente o máximo, meias mega coloridas e super brilhosas.


  Em 2011, teve esse boom das meias, aparecendo em vários desfiles nas semanas de moda, e como a gente sabe que a moda sempre vai e volta a todo momento, as meias voltaram a ser o foco dos looks, e não só as meias arrastão que está tendo seus dias de glória, mas todas as meias irão fazer sucesso nesse inverno.


  E esse detalhe á mostra revela atitude e muita personalidade nos looks dos dias atuais, sem contar que é um ótimo truque de styling viu? Deixando o look super criativo.

Um pedacinho de canela á mostra já é um convite para abusar das meias , abusar dos comprimentos, seja qual for o modelo do sapato: o mais importante mesmo é dar um jeito de deixar a mostra.



   Truque esse super fácil de recriar e não é preciso muito esforço para sair de casa super estilosa e com um look super atual, sem contar que agora nesse período de friozinho cai super bem. Porém, é bom tomar um certo cuidado, já que a meia também é um item indispensável ao look, é bom saber combinar a cor da meia com o resto das peças para deixar a produção mais harmoniosa.


Aposte em cores neutras, brilhosas, estampadas, coloridas, divertidas... Se inspirem, sejam criativas.


Beijos


1 peça 5 look com Saia Jeans

  O  Jeans é um clássico, isso todo mundo sabe. Mas, quem imaginaria que as saias jeans lá dos anos 90/00 estaria nos itens de desejo de muitas fashionistas? Pois é, elas estão de volta!





 
Sempre fui apaixonada por saia jeans com essa pegada mais vintage, minimalista, com a lavagem tradicional de jeans, cintura alta e sem muitos detalhes. Por sorte, minha mãe me aparece com 3 saias jeans para colocar no brechó (@brechodonaraposa), e óbvio, catei logo uma.

Acabei montando cinco looks com propostas bem diferentes para mostrar que a saia jeans é um item super versátil e que dá pra ser usado em quase todas as ocasiões.

1º Look -
A escolha foi pensando nesse clima friozinho que bate por aqui, então a composição ficou por conta de um vestido transpassado com estampa de cobra, que acabei usando como se fosse um maxi casaco. Para complementar o look, escolhi uma regatinha preta básica, um colar mais comprido e o salto nude para ajudar a alongar a silhueta. Achei a composição com um toque chic.

2º Look - É um look super fresquinho, com uma pegada mais despojada, para os dias de clima instável. A composição ficou por conta de uma blusa estampada super fresquinha de alcinha, um cardigan prateado com um leve - muito - brilho caso o tempo esfrie.

3º Look - Uma produção mais básica sem muitos detalhes, deixando em destaque a blusa estampada e o maxi colar. Novamente o Salto nude pra da uma alongada e neutralizada na produção.





4º Look -  Vem com uma pegada mais vintage, trazendo o mix de estilos entre o masculino - que ficou por conta da camisaria - , e o feminino. Pra arrematar o look um salto mais fechado, um cinto e um maxi colar dando um charme a mais ao look.

5º Look - Uma produção mais básica e confortável para o dia a dia. Uma malha preta de manga 3/4 e nos pés um slipper azul marinho. Pode ser acrescentado um colar longo e até um maxi colar pra dá uma incrementada na produção.


6º Look (Extra) - E o último look ganhou um plus, um  3 em 1 de uma única produção. A peça base para compor com a saia jeans, ficou por conta da camiseta - que é masculina -. Quero mostrar o quanto dá pra ser versátil em um único look, mostrar que é possível montar um look despojado e arrumado ao mesmo tempo mudando apenas os calçados, acessórios e sobreposições.

  O primeiro look ficou bem despojado com o slipper, super basiquinho. Aí pensando em incrementar só um pouco, troquei pelo salto nude e um maxi colar, que já deixou um look super arrumado. Para incrementar ainda mais a produção, fiz a sobreposição com o blazer.

Ah, e detalhe! A camisa fiz uns truques de styling super fácil pra deixar o look ainda mais despojado. Dobrei um pouco as mangas e fiz um nó na frente. Pequenos detalhes dá uma diferença enorme ao look.


Uma dica válida:
Armário de mãe e de vó dá pra encontrar verdadeiros tesouros, por isso vale dá uma garimpada por lá ( se elas permitirem, claro 😉😊)

Gostaram dos looks?
Beijos

Estampa Xadrez Vichy e como usar o ano todo

  Você certamente já teve ou tem uma peça xadrez, certo? E acredito que todo - quase - mundo ama uma boa peça xadrez, seja pra usar diariamente ou ocasionalmente em festas típicas.

  Em seu leque de variedades da estampa (Tartan, madras, burberry...), o Xadrez Vichy volta a dar as caras - aquela com quadrados pequenos, com ares retrô que lembra uma toalha de piquenique - .

Coincidência ou não, mas o São João está chegando e com ele o Xadrez vem á tona. Mas, se você é assim como eu que ama e usa xadrez durante o ano todo ou você que tem um certo receio de usar por achar brega, cafona ou que só se deve usar xadrez no São João mesmo, acompanha aqui o post que vou te mostrar que a estampa Vichy - e qualquer outro tipo de xadrez - de cafona não tem absolutamente nada e que você pode montar vários looks cheio de estilo.

  Convenhamos, o xadrez é extremamente versátil, atemporal e fica lindo em qualquer estilo.


  O Xadrez Vichy - também conhecido como gingham -, originalmente, o xadrez era um tecido listrado importado da índia à Europa, em meados do século XVII quando começaram a produzir o material que ganhou atributo quadriculado, como xadrez.  A padronagem surgiu na cidade francesa de mesmo nome e o desenho surgiu na década de 50 que foi febre nas décadas de 50 e 60 e foi eternizado nos looks de Brigitte Bardot , e tem sido aposta certa nas temporadas de 2018. As cores mais populares da padronagem são as combinações de preto, vermelho ou azul com branco, mas também é possível encontrar amarelo, verde e cor de rosa.

  Considero uma estampa essencial para se ter no armário, já que é o tipo de estampa que dá pra usar tranquilamente no dia a dia como em outras ocasiões mais formais e/ou sofisticadas.

 Delicada e retrô, é perfeita para compor looks românticos e descontraídos. A estampa se diferencia pelo espaçamento entre as linhas e também as cores, quanto maiores e mais espaçadas mais ousadas, estilosas e chamativas elas são, deixando a peça mais atual. Quanto menor a estampa e o espaçamento, mais sensação de delicadeza é passada com uma cara mais vintage.

  Para embarcar sem medo na tendência, troque o xadrez clássico pela estampa vichy, que une fundo branco á trama preta, vermelha ou azul, aposte nas blusas e camisarias com combinações de shorts - com a blusa por dentro -, calças de alfaiataria, jeans - destroyde, dando uma modernidade ao look -, com a saia godê - ou a saia lápis - trazendo toda feminilidade e essência dos anos 50, deixa um look bem delicado que combina super com o ambiente de trabalho também.


  Invista também nas sobreposição
, como é o caso do primeiro look abaixo, uma blusa de babados super moderninha, deixando o look bem ousado e ao mesmo tempo elegante misturada a uma jaqueta jeans.

  E se você ainda não se sente completamente segura, que tal amarrar a camisa na cintura? Como é o caso do último look abaixo, moderninho e total conforto.


  E que tal uma calça com a estampa vichy? É a peça ideal para nos tirar da nossa zona de conforto e deixar o jeans de lado um pouquinho. Se for o seu caso, que trabalha em ambiente mais informal, a Vichy é ótima para transformar aquele look careta de escritório.

Se você não quer arriscar muito, invista na estampa menorzinha por ser mais discreta e nos tons de preto ou azul.




  Remetendo a esse clima retrô as saias godês e os shorts de cintura alta, trazem toda essa inspiração dos anos 50/60 que tem sido a peça desejo de muita fashionista., principalmente se a saia for no comprimento midi e com a cintura mais alta.

Dica: Sejam elas midi, longas, curtas, rodadas, em A, leves, pesadas, com babados... as saias são perfeitas para dá um up ao look, seja ele com uma pegada mais moderna, combinadas com jaqueta jeans, tênis, mix de estampas, combinações com camisetas mais divertidas e/ou peças masculinas, aos looks mais românticos.



  Para as amantes do estilo retrô e dos looks românticos, a aposta fica por conta dos vestidos mais rodados, sequinhos ou cheio de babados, com a padronagem maior trazendo toda a modernidade, deixando como peça em destaque e compondo apenas com detalhes nas cores de bolsas, sapatos, acessórios.



   Já puderam perceber que tem look e padronagem de estampa para todos os estilos e ocasiões, né? Apesar da paleta de cores da estampa ser sempre preto, azul ou o vermelho com branco não é obrigatório, você pode optar também por cores diferentes  e variar a padronagem.

Usem e abusem, pois o Xadrez tá liberado durante o ano todo.

Beijos

Tipos de Decotes e seus efeitos

Você sabe exatamente o efeito que cada decote tem no nosso corpo? Reuni aqui alguns - dos muitos - existentes, para nos auxiliar a escolher o decote mais adequado a nosso tipo físico. O mais importante é que possamos conhecer cada vez mais no nosso corpo, nossos pontos fortes e fracos, na hora de montar um produção e valorizar o que queremos valorizar ou esconder.


Decote U - é um decote redondo mais profundo que merece um certo cuidado em relação a sua profundidade. 

  Esse tipo de decote favorece quem tem seios menores. Quem tem seios maiores, deve dosar a profundidade do decote, evitando a impressão de seios ainda maiores, e o modelo ideal são os de alça, que além de dá uma sustentação ainda maior, valoriza o colo. 


Decote redondo -  assim como o decote o U, o decote redondo merece um certo cuido na hora da escolha, já que esse modelo é mais próximo ao pescoço ele favorece quem tem pouco busto, e o decote por ser mais fechado ele pode aumentar a região de mulheres com muito busto.


Decote quadrado -  É o tipo de decote tradicional e discreto. Ideal para quem tem seios maiores - ajudando a disfarçar o volume, nos modelos de quadrado mais profundo -, e ombros largos, principalmente se os modelos forem com alças ou mangas, ajudando a reduzir a sensação de ombros mais largos. 

 Já os decotes mais fechados próximos ao pescoço pode fazer o efeito contrário, dando mais destaque a região dos seios. 

O cuidado fica por conta das com pouco busto ao usar esse tipo de decote, já que eles tendem a formar sobras de tecidos deixando o visual nada bonito.


Decote Transpassado - Esse tipo de decote valoriza muito o corpo feminino - principalmente os seios - independente se você é mais magrinha ou cheinha, com pouco ou muito seio.

Modelo ideal para seios grandes - projetando os seios deixando super valorizado -, ideal também para nós baixinhas, principalmente se esse modelo de decote for em um vestido - mais conhecido como envelope -. Dá aquela alongada no corpo e afina a cintura escondendo aqueles quilinhos indesejáveis. E para as magrinhas, ele cria a ilusão de corpo mais curvilíneo.


Decote Ombro a ombro - Também conhecido como ciganinha, ele é ótimo para quem tem quadris mais avantajados, pois esse tipo de decote ajuda a equilibrar a silhueta já que a atenção vai toda para a região superior - busto, ombros e pescoço -. 

Esse tipo de decote valoriza todo os tamanhos de seios, é desaconselhado apenas para quem tem o ombro muito largo, e escolher um modelo que não deixe os braços muito marcados.


Frente única -  é aquele modelo que as alças passam por trás do pescoço pra prender o vestido ou a blusa.

É um modelo super democrático que pode ser usado por qualquer tipo físico e qualquer tipo de seio, principalmente para os seios mais afastados. 

 Porém, é bom ficar atenta ao modelo escolhido já que os ombros e os braços ficam em mais evidência. Se o modelo do decote for muito fechado, quem tem os braços e seios muito volumosos, costas largas, é preciso tomar cuidado ao escolher, já que em alguns modelos tendem a aumentar ainda mais o volume. 


Decote V - É o decote mais conhecido e o mais democrático por valorizar todos os tipos de seios. Ele é ideal para quem tem seios grandes, pois valoriza a região do colo sem aumentar ou diminuir, o único cuidado é com a profundidade do decote V mais profundo para não deixar o look vulgar. E pode ser usado tranquilamente por quem tem os seios menores.

  Esse tipo de decote é uma ótima opção para nós desprovidas de altura, quem está com quilinhos á mais e/ou tem ombros largos, pois suas linhas alongam e afinam a silhueta.

Existem modelos que apresentam os mais diversos tamanhos de decote,por isso escolha exatamente aquele de acordo com o seu tipo de corpo evitando possíveis desconfortos com o decote. 


Decote Assimétrico -  É o decote que aparece em vários formatos mas que apresenta alça em apenas um dos ombros. 

 Uma ótima opção para looks mais elegantes e modernos.  Quem tem ombros largos e aquela barriguinha saliente, podem abusar desse tipo de decote,  pois a linha diagonal disfarça  essa região deixando a silhueta mais equilibrada, harmonizando as proporções dando a sensação de corpo mais sequinho.

Já mulheres com seios grandes devem tomar um certo cuidado e escolher um modelo que ofereça uma sustentação melhor aos seios.


Independente do tipo de decote, vamos usar exatamente aquilo que nos faça sentir bem. Regrinhas de estilo são apenas para nos auxiliar na hora de não errar a mão na composição dos looks e esconder ou valorizar aquilo que desejamos.

Beijos

Montando looks estilosos com Short Jeans

 Com esse calor - mesmo estando no período Outono-Inverno -, o que mais queremos e fazemos é colocar as pernocas de fora. E se tem uma peça que é super democrática e essencial no armário, é o short jeans. 

  Acredito que toda mulher tenha ao menos um modelo de short jeans no armário, não é mesmo? É uma peça chave na proposta de looks para o verão, e, na maioria das vezes, usamos o short jeans em momentos completamente - totalmente - mais basicão no dia a dia, como ir á praia, na piscina, ir ali à padaria rapinho, e acabamos deixando um pouco de lado a produção mais estilosa com essa peça.

  Que tal começar a investir em um pouco mais de estilo na hora de montar looks com o short jeans? É possível sim!


  O short jeans se tornou uma das peças mais versáteis, sendo usada em várias estações e nas mais variadas ocasiões. E quando se fala em short jeans, já imaginamos logo aquele combo bem básico do jeans com camiseta básica, por ser uma peça típica de looks mais casuais e despojados, bem a cara do fim de semana mesmo, e a ideia é da uma renovada nesse visual mais básico colocando uma pitada de estilo, deixando a produção com uma pegada mais fashion e moderna.

  Selecionei algumas maneiras de como a gente pode usar e abusar dos nossos shorts jeans com muito estilo.


  No nosso combo de camiseta com short jeans, as combinações para um look casual e super estilosa não faltam. Seja com camisetas Básicas, camisetas de banda, com frases, listradas... o poder de transformação no look aqui vai ficar por conta dos acessórios. 

 Invista em um colar com cor ou com textura, um cinto quem sabe, uma bolsa, o sapato - dependendo da ocasião - um mocassim mais estiloso, um salto alto... Exemplo das três primeiras fotos: Look totalmente básico com camisetas e short jeans com lavagem e modelagem mais discreta, e os acessórios que foram incrementados deu aquele up que faltava no look.

 Para uma produção ainda mais arrumada, invista nas camisarias! Lisa ou estampada, valendo até apostar no jeans com jeans, deixando a produção mais chic. Os acessórios e a escolha do sapato, dá um plus á mais na produção.

 Outra opção, é investir na terceira peça. 


  O short jeans por ser ultra básico, cai sempre bem com o uso de uma terceira peça deixando o look com aquele toque de elegância. 

Vale investir em blazer - liso ou estampado - , casaquetos, kimonos, jaquetas, colete ou maxi colete - alfaitaria vai fazer aquele high low lindão -.


Viu o tanto de possibilidades que podemos montar usando um short jeans? Produções alegres, despojadas, modernas e cheias de estilo, para todos os estilos e ocasiões.

Escolha exatamente aquilo que te faça se sentir bem, e abuse da criatividade nos seus looks.

Beijos